Araxá

Araxá

A Capital Mundial do Nióbio

A Capital Mundial do Nióbio

Araxá Tem Jeito Jesus Cristo

Araxá Tem Jeito Jesus Cristo
Campanha Mundial da Fraternidade 2012 Araxá Has A Way Jesus Christ

A Criação do Universo Infinito

Dái Glória Ao Senhor

Jesus Cristo Rei do Universo Infinito

Araxá 150 Anos de Emancipação Político-Administrativa do Município

Araxá 150 Anos de Emancipação Político-Administrativa do Município

Araxá Estância Hidro Mineral do Barreiro





** Exposição de Carros Antigos em Araxá **

** Exposição de Carros Antigos em Araxá **
A Cidade mineira de Araxá recebeu relí­quias automobilí­sticas como Ferraris, Lamborghinis, Maseratis e Cadillacs. Ao todo foram 322 veí­culos expostos na 18ª edição do Encontro Nacional de Automóveis Antigos, Organizado pelo Veteran Car Club de Minas Gerais e patrocinado pela Fiat e pela FPT Powertrain Technologies.

Os cerca de 50 mil visitantes puderam conferir 20 Simcas, em comemorações aos 50 anos da marca francesa no Brasil — inclusive o Chambord, modelo do inspetor Carlos, da série Vigilante Rodoviário, dos anos 1960. Entre os italianos, que totalizaram 40 modelos, os destaques ficaram por conta de um exemplar do Iso Grifo, de 1965, esportivo com mecânica americana, e das 18 Ferraris antigas, como a F-40 e a Ferrari 225 S Barchetta Vignale (1952). "A 225 são um dos primeiros modelos da Ferrari, um automóvel de corrida que foi comprado junto a outros dois idênticos em Portugal. Veio para participar de corridas no Brasil e acabou ficando por aqui. O motor encontra-se na Itália para a restauração. Se estivesse totalmente restaurado, seria o mais valioso da exposição", contou Otávio Carvalho, vice-presidente do Veteran Car e organizador do Brazil Classics.

foi realizado um desfile de 82 carros, seguido de uma premiação, feita de acordo com a data de fabricação do carro e o valor representativo de sua Época. O modelo eleito como o melhor carro nacional foi o FNM JK, de 1960.
O Encontro também contou com um Rali de Regularidade e um leilão, realizados na sexta-feira, dia 23. Participaram da competição 53 automóveis, que tiveram tempo estipulado de 38 minutos para um percurso total de 40 km, com quatro postos de controle. Dentre os 44 carros que completaram o trajeto, o vencedor foi um Ford Maverick GT, de 1978, e o segundo lugar ficou para um Puma GT, de 1971. No leilão, cerca de mil pessoas viram os 70 modelos cadastrados. Ao todo, foram vendidos 18 deles, o que movimentou mais de R$ 600 mil, segundo a organização do evento. O maior lance foi de R$ 110 mil para um Concorde, de 1984.

Nenhum comentário: